19-08-2019

T Turismo | News

Portugal no Radar: Primeiras de 2018

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

De tempos a tempos o Zibilocal gosta de espreitar o que é dito lá fora, numa perspetiva turística, sobre este retângulo à beira-mar. Já o fizemos quando publicámos o artigo sobre o Milagre Turístico e hoje fomos à procura de saber o que se tem falado sobre Portugal, neste início de 2018, em diversas publicações disponíveis online.


Desde logo percebemos que as referências aos prémios conquistados nos World Travel Awards são mais que muitas, sinal de que Portugal irá continuar no radar turístico em 2018. É o caso da Lonely Planet, que coloca Portugal como um dos 10 países que precisa de visitar em 2018 e logo em terceiro lugar. Destacam ser um destino barato e a beleza natural de mais de 300 praias.

Mas também, noticiado pela Travel Pulse, temos novamente Portugal num top 10. O dos destinos de visita obrigatória em 2018. Nesta lista, Portugal está em segundo lugar e é destacada a segurança e a boa comida.
Também no segmento de luxo encontrámos Portugal bem posicionado. Somo o 5º país no Virtuoso Luxe Report na categoria de destinos emergentes.

À parte dos tops, encontrámos um artigo curioso no sul-africano Sun & Guardian sobre as delícias gastronómicas em Espanha e Portugal. No que nos diz respeito, o destaque maior vai para os clássicos pastéis de nata, mas é também elogiado o renovado Mercado da Ribeira (atual Time Out market) como um espaço de excelência para quem visita Lisboa a pensar no estômago. Mas a curiosidade maior vai para o conselho dado a quem nos visita, que é o de usar a Uber em vez dos mais tradicionais táxis. Uma experiência negativa na viagem do aeroporto para o alojamento fez o autor do artigo comprovar o que lhe tinham dito em relação à notoriedade dos taxistas portugueses além fronteiras...

Vamos continuar a acompanhar, ao longo do ano, a forma como somos vistos de fora, mas para já, pode-se dizer que vamos saindo com a autoestima reforçada.