17-06-2019

A ANÁLISE | OPINIÃO

shhhiu micros..., estão a incomodar !

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Uma semana a acabar e outra que vai começar, onde está a avançar claramente por parte de um segmento da classe política Portuguesa, uma clara e focada estratégia para reduzir o capacidade dos Micro Empreendedores, que fazem muito, com pouco, sem ter de recorrer ou ficar à espera do subsidio..., algo que a maioria dos políticozinhos que “nos representam” não sabem o que é..., o gozo que dá, não ter de ficar à espera e dependente deles.


 

Senão vejamos:

1. Uma proposta de Orçamento do Estado onde é claro e óbvio o objetivo encapotado de retirada de capacidade de crescimento e riqueza aos micro empresários e trabalhadores independentes que trabalham legalmente e pagam os seus impostos.

2. Uma proposta do Bloco de Esquerda, para decepar qualquer possibilidade de haver Alojamento Local rentável, de Livre iniciativa mesmo que regulada e fiscalizada. Com enorme e brutal consequência em muitos milhares de pessoas.

3. O governo a deixar claras indicações de ir mexer no mercado de arrendamento de longo e curto prazo ( Alojamento Local ) também com o claro objetivo de retirar capacidade de livre iniciativa do cidadão, que trabalha legalmente e paga os seus impostos.

A questão é que entre estes politicozinhos e os empreendedores, há um claro fosso de perspetivas para Portugal e o Mundo.

São um excelente exemplo, os do setor do turismo, restauração e serviços relacionados. Se para um pequeno empresário, é óbvio que é bom haver micro negócios, que partilham, que fazem mexer a micro economia, que descentralizam etc... ou seja, que põem a economia de mercado a mexer..., para eles ( os politicozinhos ) é um Bicho Papão... porque precisamente perdem o controle, o poder, a centralização e mais... é que quando os micro negócios crescem, DIMINUI A POBREZA e isso É MAU!

Sem existir pobreza e dificuldades, esses senhores que teoricamente nos representam, não têm do que falar e o que fazer, porque na vida não sabem fazer mais nada. Se não houver pobreza e dificuldades e o país estiver a funcionar... eles deixam de ter razões para existir, simplesmente!

No que toca ao Turismo, ao Alojamento Local, e portanto para um Bloco de Esquerda, haver tantos ALs e famílias a conseguir subsistir e a gerar riqueza partilhada, É MAU! Perdem controle e número de “aflitos”, a quem vender ideologias baratas. Porque apesar de “micros”, são no entanto pessoas cultas e não estúpidas.

Daí as iniciativas legislativas e sem margem sequer para algum equilíbrio. É cortar pela raíz para não mais crescer.

Uma coisa é propor iniciativas legislativas para a sustentação do turismo, das famílias e das sociedades, sim, são necessárias e têm de ser criadas, para não cairmos nos mesmos erros de outros países, outra coisa é cortar pela raiz para não deixar que cresça.

Nota: "Politicozinhos" no sentido de alguns, ( felizmente não todos ), revelarem pouca ética e capacidade, para exercerem funções que representam todos os cidadãos.   

 

zibilocal 2